“Olhadinha” aos advogados e, aos jornalistas, “nossa opinião

O vídeo acima mostra o reflexo da famosa “Lei de Gerson”, de levar vantagem em toda e qualquer ocasião e o juízo de valor de certas pessoas, independente da classe e posição social.

Não tenho dúvida que o Porta dos Fundos fez o conteúdo porque mostra uma questão nacional de pessoas sem noção e, aqui em nossa cidade não deve ser diferente.

Enquanto os advogados tem que suportar a tal “olhadinha” e certos desaforos, nós, jornalistas, também temos nossos carmas em vários segmentos sociais, políticos e profissionais quando pedem “nossa opinião”.

O mais desaforado e folgado ainda é o político. Este é campeão. E o que mais pedem é uma “opinião” diante de uma decisão que pretende tomar, análise de partido para se filiar, um apoio político a receber ou dar, conselho em campanhas e conteúdo de pronunciamento e entrevista em algum veículo.  

É só a nossa “opinião” para “ver se está bom ou correto”, “em que pode dar”, “se não fake news”, “informação e gramatica”, se o projeto é constitucional ou se agrega com o público alvo” e por aí afora.

Afinal, não sabemos tudo, mas por trabalharmos com informação, sabemos um pouco mais que muita gente e o suficiente para opinar a ponto de deixar muita gente irada com a exposição do fato ou erro.

Aí pouco importa quem passou por uma faculdade, gastou, sacrificou tempo com a família para se formar nos 30 anos da obrigatoriedade do diploma para exercício da profissão.

Da mesma forma, pouco importa os não diplomados que passaram uma vida toda atuando, na prática, o que é e como fazer informação.

Isso nada mais é que consultoria de informação, política, sindical e marketing de campanha. Ou seja, prestação de serviço passível de remuneração.

Afinal é a nossa “opinião”, que nada mais que é que o resultado de todo nosso conhecimento, experiência profissional e atuação adquirido ao longo de toda uma carreira no jornalismo.

O que custa né?

Receba notícias em seu email

Assine nossa newsletter

Obrigado por se cadastrar

Ops. Algo deu errado...

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: